Ver mais

Novo roadmap da Ethena une DeFi, CeFi e TradFi

1 min
Traduzido Júlia V. Kurtz

EM RESUMO

  • A Ethena mescla DeFi, CeFi e TradFi em um novo roteiro.
  • USDe para aprimorar os esforços da Tether e da MakerDAO.
  • O preço do token ENA da Ethena subiu 8% com o aumento da TVL.
  • promo

A Ethena Labs apresentou seu novo roadmap, que promete uma convergência entre DeFi, CeFi e TradFi.

Seu stablecoin sintético, o USDe, visa replicar o que o USDT da Tether fez em 2014 e o MarkerDAO fez em 2017.

Ethena: visa convergência entre DeFi, CeFi e TradFi

De acordo com o protocolo DeFi, o USDe é bem-sucedido porque suas reservas representam mais do que o dobro do interesse aberto em cada DEX perpétuo combinado.

A Ethena explicou em seu roteiro que pode fornecer fluxos valiosos “não tóxicos” para as exchanges DEX e CEX, usando o USDe como garantia e acionando o open interest. Ela enfatizou que atua como uma infraestrutura neutra, o que resultou em até US$ 1,25 bilhão em alocação de protocolo para o USDe.

Leia mais: Bitcoin e mais 3 criptomoedas que podem atingir novos recordes em maio

“Conforme outros emissores de moedas estáveis crescerem e proliferarem por meio do DeFi, o Ethena se expandirá junto com eles. A base dos mercados de futuros são rendimentos reais mais altos. O USDe será o elemento central sobre o qual esses mercados de taxas de juros serão construídos”, disse a Ethena.

O preço da Ethena (ENA).
Desempenho de preço da ENA. Fonte: CoinMarketCap

Depois de lançar seu roteiro, o token nativo do Ethena, ENA, subiu mais de 8%, passando de US$ 0,85 para US$ 0,93. Além disso, a ENA está em uma recuperação altista, tendo aumentado 18,22% na semana passada e 47,24% desde seu lançamento, com uma capitalização de mercado de US$ 1,41 bilhão.

Trusted

Isenção de responsabilidade

Todas as informações contidas em nosso site são publicadas de boa fé e apenas para fins de informação geral. Qualquer ação que o leitor tome com base nas informações contidas em nosso site é por sua própria conta e risco.

Julia.png
Júlia V. Kurtz
Editora-chefe do BeInCrypto Brasil. Jornalista de dados com formação pelo Knight Center for Journalism in the Americas da Universidade do Texas, possui 10 anos de experiência na cobertura de tecnologia pela Globo e, agora, está se aventurando pelo mundo cripto. Tem passagens na Gazeta do Povo e no Portal UOL.
READ FULL BIO
Patrocinados
Patrocinados