Ver mais

Efeitos da vitória de Milei, na Argentina, na cotação do Bitcoin

5 mins
Atualizado por Chris Goldenbaum

Logo depois do anúncio da vitória de Javier Milei no segundo turno da eleição presidencial argentina, o Bitcoin subiu 2,2%. O político direitista argentino é um entusiasta das criptomoedas, pois ele as vê como ferramentas de que os cidadãos podem se valer para se protegerem dos abusos dos bancos centrais.

Na Argentina, as criptomoedas já vinham ganhando usuários antes da vitória de Milei, um ultraliberal em matéria econômica que quer reduzir drasticamente o tamanho do Estado com cortes de impostos e programas sociais. Além disso, ele pretende implementar a aplicação de um extenso programa de privatizações.

De fato, o estado a que chegou a desorganização da economia Argentina é tanto um dos principais fatores para a ascensão de Milei, que teve pouco menos de 56% dos votos, como para a expansão da adoção de criptomoedas como o Bitcoin.

>>> Visite BTCMTX <<<

Argentina é um dos países com maior aceitação de criptomoedas

A Argentina, cuja inflação já passa dos 140%, tornou-se um dos países que mais usam criptomoedas na América Latina. Os jovens, em especial, encaram as moedas digitais como um abrigo contra a perda do poder de compra da moeda nacional.

Embora a ascensão de Milei e a disseminação do uso de criptomoedas sejam desenvolvimentos independentes, mas relacionados, as políticas do presidente eleito argentino, que se intitula anarco capitalista, podem acelerar a adoção das criptomoedas, especialmente do Bitcoin.

Na opinião de Ruslan Lienkha, diretor de mercados da fintech YouHodler, a vitória de Milei é um fator que pode contribuir para a valorização de longo prazo do Bitcoin, pois sua posição favorável às criptomoedas deverá levar à aceleração da adoção delas na Argentina. Isso, ressalta, se ele conseguir resistir no cargo às grandes dificuldades econômicas que seu país enfrenta. Ainda mais porque é provável que esses problemas não venham a ser resolvidos facilmente.

Mauricio Di Bartolomeo, venezuelano que é um dos fundadores da plataforma de produtos financeiros cripto Ledn, afirmou ao site The Block, especializado em criptoativos, que o Bitcoin ajudou-o a lidar com o caos econômico em seu país. 

Ele afirma que a hostilidade de Milei ao banco central argentino, assim como sua pretensão de eliminar as leis de “curso legal”, ou seja, que determinam que tipos de dinheiro as cortes devem reconhecer como aceitáveis na quitação de débitos, podem colaborar para a disseminação mais ampla do Bitcoin.

Afinal, argumenta o empreendedor, os argentinos ficarão livres para usar as moedas que preferirem. Assim, é provável que se aprofunde a tendência de deserção do desmoralizado peso e de busca de refúgio no dólar, quando possível, e em moedas digitais.

Nos EUA também há motivos para crer na valorização do Bitcoin

Não é, contudo, apenas a vitória de Milei que serve de incentivo para o otimismo com relação às chances de alta da cotação do Bitcoin. Recentemente tem se fortalecido a expectativa de que não demorará muito a liberação nos Estados Unidos de pelo menos um fundo ETF de Bitcoin spot. Em outras palavras, um fundo negociado em bolsa que negocie bitcoins no mercado à vista.

Esse novo tipo de investimento no mercado americano poderia abrir o caminho para novos e substanciais fluxos de fundos para o Bitcoin. Dessa maneira, levando ao aumento da demanda pela criptomoeda e à sua valorização. Recentemente, o grupo de investimento CoinShares divulgou um relatório sobre o potencial de impacto que a liberação da operação de fundos ETF de Bitcoin spot poderia ter.

O documento estimou em US$ 14,4 bilhões de dólares o influxo que esses fundos poderiam receber no primeiro ano após a liberação. Segundo um modelo que a CoinShares desenvolveu, um influxo desse tamanho poderia elevar a cotação do Bitcoin a cerca de US$ 141 mil dólares. Isso é quase 4 vezes mais do que a cotação do Bitcoin quando este texto foi escrito, pouco mais de US$ 37100 dólares.

Altcoins podem se beneficiar da alta do Bitcoin

Embora seja a principal, o Bitcoin não é a única criptomoeda do mundo. Longe disso, aliás, existem mais de 10 mil tokens diferentes. Portanto, uma valorização tão acentuada do BTC pode levar a um bull market em todo o mercado cripto. Claro que não são todas as moedas que se beneficiarão, mas algumas, como o BTCMTX, têm potencial muito grande, haja visto sua proximidade com o Bitcoin.

Bitcoin Minetrix – Por que esse projeto merece atenção?

Bitcoin Minetrix é uma plataforma que se encontra em desenvolvimento. Segundo a sua equipe, ela foi criada com o fim de usar contratos inteligentes para simplificar o acesso à mineração em nuvem de bitcoins. 

Uma das vantagens da mineração em nuvem é dispensar a aquisição de equipamento e a realização de grandes despesas com infraestrutura e energia. O interessado em minerar Bitcoin aluga o poder de processamento de um terceiro, geralmente uma empresa especializada.

Um problema da mineração em nuvem, contudo, é a disseminação de golpes e outras formas de abuso da confiança dos usuários. Como solução para esse problema, a equipe do Bitcoin Minetrix propõe o uso de sua criptomoeda, que está em pré-venda

Dessa forma, o detentor dela poderá fazer staking com os seus tokens, ganhando, dessa maneira, créditos de mineração. A queima de tais créditos dará acesso ao poder de processamento para mineração de Bitcoin. O suprimento do token de utilidade de Bitcoin Minetrix, $BTCMTX, será de 4 bilhões de tokens. A alocação deles será assim:

  • 42,5% para as despesas de mineração de bitcoins
  • 35% para as despesas de marketing
  • 12,5% para as recompensas do staking até que a plataforma comece a minerar
  • 10% para recompensas a membros da comunidade como incentivo para o engajamento desta

Os tokens separados para as despesas de mineração quanto aqueles separados para as despesas de marketing foram alocados para pré-venda terão sido oferecidos até o final da pré-venda, que está em andamento.

Quando este artigo estava sendo escrito, a pré-venda de $BTCMTX arrecadara US$ 4,5 milhões. Além disso, a criptomoeda estava em oferta por 1,18 centavos de dólar por token.

Conclusão

Fatos como a vitória de Milei na eleição argentina e a possibilidade de liberação de fundos de Bitcoin spot nos Estados Unidos aumentam as chances de que o Bitcoin se valorize. A valorização do Bitcoin, por sua vez, pode contribuir para a valorização do BTCMTX. Afinal, trata-se de uma criptomoeda que desempenha um papel importantíssimo em um projeto para facilitar o acesso à mineração de bitcoins.

Apesar do BTCMTX ser um criptoativo promissor, lembramos a existência de riscos no investimento em criptoativos e recomendamos que os interessados na criptomoeda da plataforma Bitcoin Minetrix façam sua própria pesquisa sobre ela. Assim, terão melhores chances de entender os possíveis benefícios, bem como os riscos que investir na criptomoeda poderá trazer.

>>> Visite BTCMTX <<<

Isenção de responsabilidade

Todas as informações contidas em nosso site são publicadas de boa fé e apenas para fins de informação geral. Qualquer ação que o leitor tome com base nas informações contidas em nosso site é por sua própria conta e risco.

34043778c8ce560665524108fc72b7e1.png
Autor Сonvidado
Opinión de expertos de la industria de las criptomonedas compartida con BeInCrypto.
READ FULL BIO
Patrocinados
Patrocinados