eBay pode aceitar pagamentos cripto em breve, segundo CEO

28 fevereiro 2022, 15:17 -03
Atualizado por Anderson Mendes
28 fevereiro 2022, 15:17 -03
EM RESUMO
  • Segundo Iannone, o eBay pode aceitar pagamentos em criptomoedas para expandir as opções dentro de sua plataforma de e-commerce.
  • Muito provavelmente, o eBay fará um anúncio relacionado ao assunto em 10 de março, durante seu dia dedicado aos investidores.
  • Em 2021, o eBay mudou suas políticas para permitir a negociação de NFTs em sua plataforma.
  • promo

Jaime Iannone, CEO do eBay, disse que a empresa está estudando aceitar pagamentos em criptomoedas dentro de sua plataforma.

Cada vez mais empresas de comércio eletrônico estão avaliando a possibilidade de aumentar as opções de pagamento disponíveis para os seus clientes. Nesse sentido, o eBay pode aceitar pagamentos em criptomoedas no futuro.  Segundo o seu CEO Jamie Iannone, isso seria feito visando conquistar a Geração Z e os Millennials.

Muito provavelmente a empresa fará um anúncio relacionado ao assunto no dia 10 de março, data dedicada a anúncios para os seus investidores.

A plataforma de comércio eletrônico vem aumentando seus meios de pagamento. Eles não apenas aceitam o Google Pay e o Apple Pay, mas também têm uma parceria com o Afterpay na Austrália, plataforma que agrada à Geração Z.

“…Continuamos avaliando outras formas de pagamento que devemos adotar na plataforma. Por enquanto, não aceitamos criptomoedas”

Se for uma realidade e em 10 de março o eBay anunciar que começará aceitar pagamentos cripto, isso seria um fato de grande importância para este mercado.

  • Ficou com alguma dúvida? O BeInCrypto tem um glossário que pode ajudar a responder a suas dúvidas em relação ao mundo cripto!
  • Quer se manter atualizado em tudo o que é relevante no mundo cripto? O BeInCrypto tem uma comunidade no Telegram em que você pode ler em primeira mão as notícias relevantes e conversar com outros entusiastas em criptomoedas. Confira!
  • Você também pode se juntar a nossas comunidades no Twitter, Instagram e Facebook.

Criptomoedas como forma de atrair jovens

Segundo seu CEO, o eBay está focando seus esforços em estreitar o relacionamento e conquistar cada vez mais usuários da Geração Z. Por isso, em algumas semanas será anunciado novidades nas categorias de pagamento e publicidade.

Além disso, seguindo essa tendência de oferecer serviços interessantes para o referido público, a empresa mudou no ano passado suas políticas para permitir NFTs em sua plataforma.

“Mudamos nossas políticas no ano passado para que você pudesse negociar NFTs na plataforma e, essencialmente, o eBay é um lugar onde as pessoas têm algo para vender e as pessoas têm algo para mostrar.”

Iannone comparou a negociação de NFTs no eBay com o início das vendas de carros online que ocorreram vários anos atrás:

“As pessoas começaram a vender carros quando nem tínhamos um negócio de veículos na época. Então, estamos vendo o mesmo tipo de coisa [com NFT].”

Em sua entrevista ao TheStreet, o CEO do eBay garantiu que a plataforma será o local ideal para as pessoas trocarem mercadorias, sejam elas físicas ou digitais.

Empresas buscando pagamentos cripto

Não foi somente o eBay que deu pistas sobre seu interesse em receber pagamentos com criptomoedas. Há algumas semanas o Uber deu a entender que não descarta a adoção dessa tecnologia.

Da mesma forma, o mercado que oferece serviços de aviação privada na América Latina, Flapz, anunciou que começou a aceitar criptomoedas como forma de pagamento para reservas de voos executivos e produtos relacionados.

Mas empresas de comércio não foram as únicas a mostrar interesse. instituições de ensino como a Universidade Americana do Paraguai já aceitam pagamentos de suas mensalidades em criptomoedas. Por enquanto, a instituição de ensino aceita apenas Bitcoin (BTC) e Ethereum (ETH).

Isenção de responsabilidade

Todas as informações contidas em nosso site são publicadas de boa fé e apenas para fins de informação geral. Qualquer ação que o leitor tome com base nas informações contidas em nosso site é por sua própria conta e risco.