Ver mais

Dogecoin (DOGE) e Near Protocol (NEAR) entre as melhores da semana; análise

3 mins
Atualizado por Anderson Mendes

EM RESUMO

  • NEAR está dentro de um canal paralelo de alta.
  • SCRT e ONE romperam suas linhas de tendência de baixa.
  • DASH e FTT estão seguindo linhas de tendência de baixa.
  • promo

Análise nas sete criptomoedas que mais subiram durante o período de 7 a 14 de janeiro.

As criptomoedas que mais valorizaram nesta semana foram:

  1. Oasis Network (ROSE): 35,20%
  2. Dogecoin (DOGE): 26,90%
  3. Near Protocol (NEAR): 24,67%
  4. Secret (SCRT): 18,17%
  5. Dash (DASH): 16,57%
  6. FTX Token (FTT): 14,45%
  7. Harmony (ONE): 10,47%
  • Não entendeu algum termo do universo Web3? Confira no nosso Glossário!
  • Quer se manter atualizado em tudo o que é relevante no mundo cripto? O BeInCrypto tem uma comunidade no Telegram em que você pode ler em primeira mão as notícias relevantes e conversar com outros entusiastas em criptomoedas. Confira!
  • Você também pode se juntar a nossas comunidades no Twitter (X)Instagram e Facebook.

ROSE

A ROSE está em tendência de alta desde 10 de janeiro, quando atingiu a mínima de US$ 0,30. Quatro dias depois, o token atingiu um novo preço recorde de US$ 0,538. Isso representou uma valorização de 77%.

O preço do token caiu um pouco desde então, potencialmente retornando para validar a área de US$ 0,455 como suporte.

Se o novo teste for bem-sucedido, os níveis de resistência mais próximos seriam encontrados em US$ 0,55 e US$ 0,70, respectivamente. Eles são os níveis de retração externa de 1,61 e 2,61 de Fibonacci, respectivamente.

Gráfico da ROSE no TradingView

DOGE

Na última segunda-feira (10), a DOGE caiu para US$ 0,136. Este foi um movimento muito pessimista, pois indicou que o token havia rompido abaixo da área de suporte de US$ 0,165, que estava em vigor há 257 dias.

No entanto, o ativo recuperou essa área pouco tempo depois e vem subindo desde então, atingindo um topo de US$ 0,21 na sexta-feira (14).

A resistência mais próxima está em US$ 0,245, criada por uma linha de tendência de baixa. Um rompimento dessa linha poderia acelerar muito o movimento de alta atual da DOGE.

Gráfico da DOGE no TradingView

NEAR

NEAR está dentro de um canal de alta desde 18 de dezembro. Isso a levou a atingir uma nova máxima histórica de US$ 20,4 na sexta-feira. A alta foi feita muito perto da linha de resistência do canal.

Porém, tanto o MACD quanto o RSI geraram divergências de baixa consideráveis, que geralmente precedem as reversões de tendência para baixa.

Portanto, é possível que a NEAR vá em direção ao meio e possivelmente à linha de suporte do canal.

Gráfico da NEAR no TradingView

SCRT

O SCRT estava seguindo uma linha de tendência de baixa desde 28 de outubro. Em 24 de dezembro, ele rompeu essa linha e voltou para validá-la como suporte (ícone verde) cinco dias depois. Desde então, seu preço está subindo.

Atualmente, o token está no nível de retração de 0,618 de Fibonacci, em US$ 8,20. Esta é também uma área de resistência horizontal. Um rompimento acima desse nível poderia acelerar muito o movimento de alta atual.

Gráfico do SCRT no TradingView

DASH

No dia 4 de dezembro, a DASH atingiu um fundo em US$ 110 e voltou a subir, criando um longo pavio inferior. Isso validou a área de US$ 115 como suporte mais uma vez. A área está em vigor desde junho de 2021.

Em 7 de janeiro, o token saltou mais uma vez depois de atingir esse nível, criando um fundo mais alto (ícone verde). O nível de resistência mais próximo está em US$ 170, criado por uma linha de tendência de baixa.

Gráfico da DASH no TradingView

FTT

A FTT estava seguindo uma linha de tendência de baixa desde que atingiu um novo preço recorde em US$ 84,7 no dia 9 de setembro. O movimento levou a uma mínima de US$ 33,8 em 8 de janeiro.

O token está subindo desde então e atualmente atingiu a linha de tendência  mais uma vez. Um rompimento acima confirmaria que a correção chegou ao fim.

Nesse caso, a resistência mais próxima seria encontrada em US$ 53,4, criada pelo nível de retração de 0,382 de Fibonacci.

Gráfico da FTT no TradingView

ONE

ONE estava seguindo uma linha de tendência de baixa desde 26 de outubro, quando atingiu a máxima histórica de US$ 0,38. No dia 2 de janeiro, o token conseguiu romper essa linha, voltando para validá-la como suporte dois dias depois (ícone verde).

Depois de iniciar outro movimento de alta, o ativo rompeu a área de US$ 0,325 na quarta-feira (12). Se um novo preço recorde for alcançado, a próxima área de resistência estaria em US$ 0,53, criada pelo nível de retração externa de 1,61.

Gráfico da ONE no TradingView
Melhores plataformas de criptomoedas | Junho de 2024
Melhores plataformas de criptomoedas | Junho de 2024
Melhores plataformas de criptomoedas | Junho de 2024

Trusted

Isenção de responsabilidade

Todas as informações contidas em nosso site são publicadas de boa fé e apenas para fins de informação geral. Qualquer ação que o leitor tome com base nas informações contidas em nosso site é por sua própria conta e risco.

71b08b54e2d626bfb094ea1debec4e96.jpg
Valdrin Tahiri
Valdrin descobriu as criptomoedas quando estava fazendo seu mestrado em mercados financeiros na Barcelona School of Economics. Pouco depois de se formar, ele começou a escrever para vários sites diferentes relacionados a criptomoedas como freelancer antes de assumir a função de analista sênior da BeInCrypto. (Não tenho uma discórdia e não entrarei em contato com você primeiro por lá. Cuidado com os golpistas)
READ FULL BIO
Patrocinados
Patrocinados