Bitcoin btc
$ usd
Notícias

Desenvolvedor do Bitcoin perde US$ 3,6 milhões em suposto golpe

2 mins
Traduzido Anderson Mendes

EM RESUMO

  • O desenvolvedor do OG Bitcoin, Luke Dashjr, perdeu mais de 200 BTC no hack.
  • Existem várias teorias sobre o que levou ao hack, incluindo software backdoor em um desktop.
  • 2022 foi um ano difícil em termos de hacks, com mais de US$ 3 bilhões perdidos.
  • promo

Um desenvolvedor veterano da rede Bitcoin (BTC), Luke Dashjr, revelou que havia perdido US$ 3,6 milhões em um hack. Existem várias teorias sobre o que aconteceu.

Luke Dashjr, um dos primeiros desenvolvedores da criptomoeda, revelou no último domingo (1) pelo Twitter que havia perdido US$ 3,6 milhões em Bitcoin em um hack. Dashjr disse que sua chave PGP foi comprometida e que ele não sabia como isso aconteceu. Ele também revelou que o hacker usou o CoinJoin para ofuscar o rastreamento dos fundos.

Mesmo um desenvolvedor Bitcoin pode ter problemas para manter suas chaves seguras

Dashjr parece ter perdido cerca de 216 BTC, uma quantia substancial para um indivíduo. Mais tarde, em seu perfil no Twitter, ele aconselhou as pessoas a não baixarem o Bitcoin Knots, um cliente Bitcoin completo. Ele é usado para recursos mais avançados que geralmente não são totalmente testados. O desenvolvedor também acredita que sua conta no Twitter está comprometida.

O CEO da Binance, Changpeng Zhao, respondeu ao tweet, dizendo que a equipe de segurança da exchange monitoraria a situação. Ele prometeu congelar os fundos caso eles sejam depositados na exchange. Várias outras figuras proeminentes da indústria cripto também entraram na discussão, principalmente oferecendo suas condolências, incluindo o fundador e CEO da Ava Labs, Emin Gun Sirer, e a jornalista cripto Laura Shin.

O método de criptografia PGP é comumente usado e oferece aos usuários uma chave pública e uma privada. A privada é, obviamente, conhecida apenas pelo usuário específico.

Alguns sugeriram que uma violação anterior do servidor estava por trás do comprometimento. Outros afirmaram que isso poderia ser um “acidente de barco” – uma forma de as pessoas evitarem impostos alegando que os bens foram perdidos. Alguns acreditam que a própria conta do Twitter foi hackeada.

Um desenvolvedor apontou que o hack era, de fato, real. Ele acredita que o software backdoor no desktop de Dashjr levou ao comprometimento.

Quem é Luke Dashjr?

Baseado na Flórida, Dashjr trabalhou em vários projetos no passado, incluindo Gentoo Linux, RETPOLINE e protocolo P2P Open Direct Connect. Sua postura pessoal em desenvolvimento é altamente focada em segurança cibernética.

Dashjr é uma figura bem conhecida na comunidade de desenvolvedores Bitcoin devido às suas várias contribuições. Ele começou a trabalhar com a rede em 2011, contribuindo para a sua segurança e desempenho, entre outras coisas.

Mais de US$ 3 bilhões roubados em 2022

Os hacks cripto continuam a assombrar o mercado, com 2022 sendo um ano difícil a esse respeito. O valor total perdido para hacks excede US$ 3 bilhões, com outubro de 2022 resultando em US$ 718 milhões roubados.

O maior hack do ano aconteceu em março, quando a Ponte Ronin foi explorada por US$ 612 milhões. Outros hacks notáveis do ano incluem o hack da carteira FTX de US$ 477 milhões e o ataque da ponte Wormhole de US$ 321 milhões. Ataques a ponte parecem ser uma escolha particularmente popular entre os hackers.

Isenção de responsabilidade

Todas as informações contidas em nosso site são publicadas de boa fé e apenas para fins de informação geral. Qualquer ação que o leitor tome com base nas informações contidas em nosso site é por sua própria conta e risco.

Patrocinados
Patrocinados