Ver mais

Chainlink (LINK) pode romper padrão de baixa e voltar a subir?

2 mins
Traduzido Anderson Mendes

EM RESUMO

  • A Chainlink validou o triângulo de baixa, observando uma correção de 30% nos últimos três dias, e agora está procurando se recuperar.
  • Os investidores perderam seus lucros, e mais de 50% dos detentores agora estão sofrendo perdas.
  • Mais de 84% dos endereços ativos são compostos por investidores que tentam recuperar seus lucros e continuar vendendo em um nível baixo.
  • promo

A Chainlink (LINK) validou com sucesso um padrão de baixa em março, mas agora busca recuperar sua tendência de alta.

Espera-se que a altcoin receba apoio dos investidores que sofreram perdas substanciais nos últimos dois dias, o que pode contribuir para a sua recuperação.

Após o movimento que resultou em uma queda de quase 30% no preço da Chainlink, os detentores querem recuperar essas perdas. Sua intenção é visível em suas ações recentes.

Verifica-se isto pela distribuição dos investidores que fazem transações na rede com base em sua lucratividade. Os endereços ativos que estão lucrando compreendem apenas 15% de todos os participantes. O restante, 85%, são os que têm perdas ou estão no ponto de equilíbrio.

Endereços ativos em lucro. Fonte: IntoTheBlock

Os dois últimos tipos de investidores se absterão de vender, pois estão tentando recuperar o dinheiro que perderam.

Leia mais: 7 razões para investir em Chainlink (LINK) em abril de 2024

Para comprovar isso, nos últimos quatro dias, cerca de 100.000 endereços, ou quase 14% de todos os investidores que possuem LINK, perderam seus lucros. Mais de 50% dos detentores estão em prejuízo atualmente.

Investidores no prejuízo. Fonte: IntoTheBlock

Assim, esses investidores continuarão a pressionar a recuperação do preço para recuperar seus lucros, o que pode resultar na LINK realizado novos saltos e retomando a sua tendência de alta.

Previsão de preço

Uma evidência da validação do triângulo de baixa foi a Chainlink atingir as mínimas de US$ 11,98 durante o horário de negociação intradiário. No entanto, sua linha de tendência inferior de US$ 17 continua sendo uma barreira crucial.

O token precisaria primeiro romper essa linha para continuar subindo e, eventualmente, sair do triângulo. Negociada a US$ 14,54 no fechamento da matéria, a altcoin só precisa romper duas resistências para isso, em US$ 14,62 e US$ 15,69.

Gráfico da LINK no TradingView

Transformá-los em suporte permitiria um salto para US $ 17, o que marca uma valorização de 17%.

No entanto, se esse movimento não for feito, uma queda também é possível, limitando o salto de preço da Chainlink a US$ 16. Se, no entanto, a queda se intensificar e os níveis de US$ 14 ou US$ 13,55 se perderem, a tese de alta será invalidada.

Melhores plataformas de criptomoedas | Junho de 2024
Coinbase Coinbase Explorar
PancakeSwap PancakeSwap Até 50% APR
Margex Margex Explorar
Melhores plataformas de criptomoedas | Junho de 2024
Coinbase Coinbase Explorar
PancakeSwap PancakeSwap Até 50% APR
Margex Margex Explorar
Melhores plataformas de criptomoedas | Junho de 2024

Trusted

Isenção de responsabilidade

Todas as informações contidas em nosso site são publicadas de boa fé e apenas para fins de informação geral. Qualquer ação que o leitor tome com base nas informações contidas em nosso site é por sua própria conta e risco.

4d198a1c7664cbf9005dfd7c70702e03.png
Anderson Mendes
Membro ativo da comunidade de criptoativos e economia em geral, Anderson é formado pela Universidade Positivo, e escreve sobre as principais notícias do mercado. Antes de entrar para a equipe brasileira do BeInCrypto, Anderson liderou projetos relacionados à trading, produção de notícias e conteúdos educacionais relacionados ao mundo cripto no sul do Brasil.
READ FULL BIO
Patrocinados
Patrocinados