Ver mais

Bitcoin: dados on-chain sugerem reversão de ciclo do mercado

2 mins
Por Martin Young
Traduzido Anderson Mendes

EM RESUMO

  • A banda HODL do Bitcoin de um dia a três meses aumentou 86%.
  • É provável que a onda de 1 ano diminua.
  • Bitcoin ainda está em fase de consolidação de preço.
  • promo

O Bitcoin (BTC) está gradualmente sendo transferido de detentores experientes de longo prazo para novos investidores. Isso sugere que o ciclo do mercado está em um ponto de transição, de acordo com os dados on-chain.

O provedor de análises on-chain Glassnode afirma que uma transferência de riqueza está ocorrendo em relação ao BTC. “Isso sugere que está ocorrendo a transferência de riqueza de detentores experientes para uma demanda mais recente”. A empresa também afirmou que esse movimento era um fenômeno comum nos pontos de inflexão do ciclo.

Leia mais: 4 criptomoedas que podem atingir novas máximas em julho de 2024

Início de um novo ciclo de alta?

O indicador HODL Waves usa dados on-chain para exibir a quantidade de BTC em circulação agrupada em diferentes faixas etárias, representadas por cores diferentes. Elas são usadas para medir o que diferentes grupos estão fazendo com suas moedas.

A expansão no gráfico mostra que a faixa de 1 dia a 3 meses aumentou desde a baixa do ciclo. Além disso, a Glassnode relatou um aumento de 86%, de 11,5% para um valor atual de 21,4%.

Bitcoin: dados on-chain sugerem reversão de ciclo do mercado
Fonte: Glassnode

O analista de Bitcoin Philip Swift previu que a HODL Wave de 1 ano começaria a cair e os preços do BTC começariam a subir.

“Porque quando novos participantes (nova demanda) entrarem, os HODL’ers que acumularam nas mínimas começarão a vender para eles a preços mais altos.”

Bitcoin: dados on-chain sugerem reversão de ciclo do mercado
Fonte: Twitter/@PositiveCrypto

Além disso, o Bitcoin agora ultrapassaram vários indicadores importantes de longo prazo. O preço está atualmente um pouco acima da média móvel de 200 semanas, que é de US$ 25.818, de acordo com o Woo Charts. Este foi um nível histórico de suporte que foi quebrado durante o ciclo de baixa em dezembro.

Também está acima do preço realizado de US$ 19.914. Essa métrica é o valor de todas as moedas em circulação ao preço que elas movimentaram pela última vez. Também pode ser considerado uma aproximação do que todo o mercado pagou por suas moedas.

Na semana passada, o BeInCrypto informou que mais volatilidade era esperada após um longo período de baixos volumes. No entanto, isso ainda não se materializou à medida que a consolidação continua.

Perspectivas de preço do Bitcoin

O Bitcoin tem apresentado uma leve alta, mas o mercado de criptomoedas ainda está em tendência lateralizada. O ativo era negociado a US$ 26.952 no fechamento da matéria, subindo de uma baixa intradiária de US$ 26.715.

Bitcoin: dados on-chain sugerem reversão de ciclo do mercado

Atualmente, o suporte está em US$ 26.200, com níveis mais baixos em US$ 25.000, um preço não visitado desde meados de março. No lado positivo, o Bitcoin precisaria quebrar a resistência em US$ 28.000 para obter ganhos significativos.

  • Não entendeu algum termo do universo Web3? Confira no nosso Glossário!
  • Quer se manter atualizado em tudo o que é relevante no mundo cripto? O BeInCrypto tem uma comunidade no Telegram em que você pode ler em primeira mão as notícias relevantes e conversar com outros entusiastas em criptomoedas. Confira!
  • Você também pode se juntar a nossas comunidades no Twitter (X)Instagram e Facebook.
Melhores plataformas de criptomoedas | Junho de 2024
Melhores plataformas de criptomoedas | Junho de 2024
Melhores plataformas de criptomoedas | Junho de 2024

Trusted

Isenção de responsabilidade

Todas as informações contidas em nosso site são publicadas de boa fé e apenas para fins de informação geral. Qualquer ação que o leitor tome com base nas informações contidas em nosso site é por sua própria conta e risco.

4d198a1c7664cbf9005dfd7c70702e03.png
Anderson Mendes
Membro ativo da comunidade de criptoativos e economia em geral, Anderson é formado pela Universidade Positivo, e escreve sobre as principais notícias do mercado. Antes de entrar para a equipe brasileira do BeInCrypto, Anderson liderou projetos relacionados à trading, produção de notícias e conteúdos educacionais relacionados ao mundo cripto no sul do Brasil.
READ FULL BIO
Patrocinados
Patrocinados