Ver mais

Qual é a relação entre inteligência artificial e videogames?

7 mins
Atualizado por Airí Chaves

A inteligência artificial (IA) tem sido um tópico quente nos últimos meses, com avanços significativos em áreas como aprendizado de máquina, processamento de linguagem natural e visão computacional. Uma das áreas em que a IA tem tido um impacto significativo é a indústria de jogos eletrônicos.

Desde a geração processual de ambientes e comportamentos dos inimigos até a criação de personagens não-jogadores (NPCs) mais realistas, a IA está transformando a maneira como os jogos são criados e jogados.

Neste artigo, vamos explorar a relação entre IA e videogames, examinando como essa tecnologia está sendo usada atualmente na indústria de jogos e o que o futuro pode reservar.

Introdução à inteligência artificial e videogames

A inteligência artificial (IA) é uma área da ciência da computação que se concentra no desenvolvimento de sistemas capazes de realizar tarefas que normalmente requerem inteligência humana, como reconhecimento de padrões, aprendizado e tomada de decisões. Nos videogames, a IA é usada para criar personagens não-jogadores (NPCs) mais realistas, gerar ambientes e comportamentos dos inimigos de forma processual e melhorar a jogabilidade geral.

Existem vários mecanismos de IA usados em jogos digitais, incluindo redes neurais, algoritmos genéticos e sistemas baseados em regras. Esses mecanismos permitem que os NPCs tomem decisões e respondam ao ambiente do jogo de maneira mais realista. Por exemplo, a IA pode ser programada para que os NPCs reajam de maneiras específicas a certos estímulos, como a presença do jogador. Em jogos mais avançados, a IA pode até mesmo aprender e adaptar-se ao comportamento do jogador, tornando o jogo mais desafiador e interessante.

Além disso, a IA também é usada para gerar conteúdo proceduralmente. Em vez de criar manualmente todos os aspectos de um jogo, os desenvolvedores podem usar a IA para gerar automaticamente elementos como terrenos, níveis ou até mesmo histórias.

História e evolução da IA em videogames

A inteligência artificial (IA) tem desempenhado um papel crucial na indústria de videogames desde os primórdios, antes mesmo de se tornar uma parte essencial da cultura pop mundial. Desde a década de 1950, a IA vem sendo utilizada em videogames para criar comportamentos inteligentes e responsivos, principalmente em personagens não-jogáveis.

Iniciando com jogos estratégicos matemáticos e programas de damas, a IA encontrou seu caminho para design de jogos de maior complexidade. Na década de 1970, jogos como Space Invaders e Pac-Man incorporaram padrões de IA e movimentos distintos, elevando a experiência de jogo a um novo patamar.

Durante as décadas de 1980 e 1990, a IA foi utilizada em jogos esportivos para simular estilos de coaching e gerenciamento, tornando a experiência de jogo mais personalizada e imersiva. Ferramentas de IA formais, como máquinas de estado finito (FAI), foram usadas para criar novos videogames na década de 1990. Jogos de estratégia em tempo real, como planejamento econômico, começaram a utilizar IA para avaliar as ações dos jogadores e criar diálogos interativos.

Hoje, a IA é quase onipresente nos videogames, tornando os personagens mais realísticos e os jogos mais imersivos, adaptativos e responsivos. A evolução da IA permitiu experiências de jogo mais complexas e personalizadas, criando momentos memoráveis e permitindo que os jogadores interajam com personagens não-jogáveis de maneiras novas e empolgantes.

Diferentes interpretações de IA em jogos

realidade virtual

A IA em jogos é frequentemente interpretada de maneiras diferentes, dependendo do gênero do jogo e do comportamento desejado dos personagens não jogáveis (NPCs).

Em jogos de estratégia, por exemplo, a IA pode ser usada para criar adversários que são capazes de planejar e executar estratégias complexas. Em jogos de aventura, a IA pode ser usada para criar personagens com personalidades distintas e emocionalmente envolventes. A IA também pode ser usada para melhorar a jogabilidade em jogos de ação, permitindo que os NPCs reajam de maneira inteligente e adaptativa aos movimentos do jogador.

Além disso, a IA em jogos pode ser categorizada em comportamentos determinísticos e não determinísticos. O comportamento determinístico é previsível e especificado, enquanto o comportamento não determinístico inclui um elemento de incerteza, tornando a experiência de jogo mais imersiva e agradável.

No entanto, é importante notar que a IA em jogos nem sempre implica em “verdadeira inteligência” ou aprendizado de máquina. Algumas pessoas argumentam que a IA em jogos é simplesmente um termo de marketing para programas que criam a ilusão de comportamento inteligente.

Portanto, a interpretação da IA nos jogos varia amplamente, dependendo do contexto do jogo, do comportamento desejado dos NPCs e das limitações técnicas específicas. No final das contas, o objetivo final da IA nos jogos é aprimorar a experiência do jogador, criando comportamentos inteligentes e melhorando a jogabilidade dentro de limitações específicas.

Desenvolvimentos recentes e futuros

Nos últimos anos, a IA tem desempenhado um papel cada vez mais importante no desenvolvimento de jogos, desde aprimorar a mecânica dos videogames até melhorar as narrativas e criar experiências de jogo mais imersivas. Além disso, a IA está impulsionando inovações em realidade aumentada (AR), realidade virtual (VR) e realidade mista.

À medida que a tecnologia de IA continua a evoluir, as possibilidades de sua aplicação no desenvolvimento de jogos estão se expandindo rapidamente. Aqui estão algumas áreas potenciais em que a IA deverá moldar o futuro da indústria de jogos:

Projeto automatizado de jogos

Uma das perspectivas mais empolgantes da IA no desenvolvimento de jogos é o projeto automatizado de jogos.

Ao treinar modelos de IA em grandes conjuntos de dados de jogos existentes, poderia ser possível criar novos jogos automaticamente, sem intervenção humana. Algoritmos de IA poderiam gerar mecânicas de jogo, níveis, personagens e muito mais, potencialmente reduzindo significativamente o tempo e os custos de desenvolvimento.

No entanto, essa tecnologia ainda está em seus estágios iniciais, e ainda resta saber se os jogos gerados por IA podem replicar a criatividade e originalidade dos jogos projetados por humanos.

Anotação de dados

A anotação de dados é o processo de rotular dados para treinar modelos de IA. Na indústria de jogos, a anotação de dados pode melhorar a precisão de algoritmos de IA para tarefas como reconhecimento de objetos, processamento de linguagem natural e análise do comportamento do jogador. Essa tecnologia pode ajudar os desenvolvedores de jogos a entender melhor seus jogadores e aprimorar as experiências de jogo.

Jogos baseados em reconhecimento de áudio ou vídeo

Outra perspectiva empolgante para a IA no desenvolvimento de jogos são os jogos baseados em reconhecimento de áudio ou vídeo. Esses jogos utilizam algoritmos de IA para analisar entrada de áudio ou vídeo dos jogadores, permitindo que eles interajam com o jogo usando sua voz, movimentos corporais ou expressões faciais.

Essa tecnologia pode criar experiências de jogo totalmente novas, como jogos que respondem às emoções dos jogadores ou jogos acessíveis para jogadores com deficiências.

Videogames e IA sempre andaram de mãos dadas

A inteligência artificial está tendo um impacto significativo na indústria de jogos eletrônicos. Desde a geração processual de ambientes e comportamentos dos inimigos até a criação de NPCs mais realistas, a IA está transformando a maneira como os jogos são criados e jogados.

Com o contínuo desenvolvimento de novas tecnologias e avanços na aplicação da IA aos jogos, é provável que essa tendência continue no futuro. À medida que a IA continua a evoluir, podemos esperar ver jogos cada vez mais imersivos e realistas, oferecendo experiências únicas e emocionantes para os jogadores.

Perguntas frequentes

O que significa ia nos jogos?

Quais jogos usam inteligência artificial?

Melhores plataformas de criptomoedas | Junho de 2024
Melhores plataformas de criptomoedas | Junho de 2024
Melhores plataformas de criptomoedas | Junho de 2024

Trusted

Isenção de responsabilidade

Todas as informações contidas em nosso site são publicadas de boa fé e com o objetivo único de informar. Qualquer atitude tomada pelo usuário a partir das informações veiculadas no site é de sua inteira responsabilidade.
Na seção Aprender, nossa prioridade é fornecer informações de alta qualidade. Nós tomamos o tempo necessário para identificar, pesquisar e produzir conteúdo que seja útil para nossos leitores.
Para manter esse padrão e continuar a criar um conteúdo de excelência, nossos parceiros podem nos recompensar com uma comissão por menções em nossos artigos. No entanto, essas comissões não afetam o processo de criação de conteúdo imparcial, honesto e útil.

Airi-Chaves-2.png
Airí Chaves
Com formação em marketing pela Universidade Estácio de Sá e um mestrado em liderança estratégica pela Unini, escreve para diversos meios do mercado de criptomoedas desde 2017. Como parte da equipe do BeInCrypto, contribuiu com quase 500 artigos, oferecendo análises profundas sobre criptomoedas, exchanges e ferramentas do setor. Sua missão é educar e informar, simplificando temas complexos para que sejam acessíveis a todos. Com um histórico de escrita para renomadas exchanges brasileiras,...
READ FULL BIO