Ver mais

Mineração na nuvem: o que é e como minerar criptomoedas?

6 mins
Por Iulia Vasile
Traduzido Airí Chaves

Procurando aprender os prós e contras da mineração na nuvemEste artigo aborda como a mineração em nuvem funciona e detalha os melhores modelos e plataformas de mineração em nuvem do mercado. Seja você um nativo da web3 ou um iniciante no mundo da criptomoeda, este guia fornecerá o conhecimento e as ferramentas para começar a minerar em nuvem hoje.

Quer ser o primeiro a saber sobre a mineração de criptomoedas na nuvem? Junte-se à comunidade do BeInCrypto no Telegram. Lá nós compartilhamos diariamente análises técnicas e respostas às suas perguntas. Além disso, é possível conversar com traders e entusiastas do mercado de criptomoedas.

O que é mineração na nuvem?

mineração em nuvem

A mineração na nuvem ou cloud mining é o processo de mineração de criptomoeda sem realmente possuir o equipamento de hardware. Com a mineração de criptomoedas tradicional, você deve pesquisar, comprar e manter hardware de computador caro para realizar os cálculos necessários para proteger as redes blockchain

No entanto, a mineração na nuvem elimina a necessidade de manter o hardware necessário. Em vez disso, você pode acessar o mesmo poder computacional por uma taxa mensal fixa. 

O cloud mining representa uma solução para aqueles que podem não ter as habilidades avançadas de engenharia de software e hardware necessárias para otimizar sua operação de mineração de criptomoedas. Você também deve considerar esta rota se estiver em um clima quente ou em algum lugar com altos custos de eletricidade. As empresas que oferecem esses serviços geralmente estão localizadas em países que fornecem eletricidade mais barata e climas frios.

Como funciona a mineração em nuvem?

Com criptomoedas como bitcoin, o termo “mineração” não envolve mineração física. Em vez disso, o processo envolve o uso de computadores de alta potência para resolver problemas matemáticos computacionais complexos. Esse processo é crucial para manter a segurança de um livro-razão distribuído, como uma blockchain. Embora essa operação gere novos tokens que são concedidos aos mineradores, seu principal objetivo é garantir a integridade e a precisão das transações na rede.

No caso do cloud mining, o hardware está localizado com o provedor de mineração em nuvem, mas todas as recompensas potenciais são atribuídas ao minerador. A empresa de mineração na nuvem cobra um contrato mensal, independentemente de suas recompensas de mineração.

Os provedores de serviços de mineração na nuvem oferecem contratos de mineração, permitindo que até pequenos mineradores iniciem esse novo empreendimento. Isso permite que os mineradores aproveitem a eficiência da configuração do provedor enquanto transferem alguns dos riscos de volatilidade do mercado para o provedor. Além disso, essa configuração permite que os clientes expandam suas operações mais rapidamente; eles são creditados com os lucros da mineração que teriam sido distribuídos ao longo do tempo. 

Como começar a minerar na nuvem

Quer experimentar a mineração em nuvem? Aqui estão os passos básicos que você precisa seguir para começar.

Etapa 1 – Escolha um provedor de mineração na nuvem

Antes de começar a minerar na nuvem, é importante selecionar uma criptomoeda para minerar e talvez até ingressar em um pool de mineração para aumentar suas chances. Bitcoin e dogecoin têm os maiores pools de mineração. 

Para começar a minerar bitcoin, você deve se inscrever com um provedor de mineração na nuvem. Uma dessas opções é a ECOS

A ECOS é uma plataforma versátil de investimento em criptomoedas que fornece vários produtos na área de mineração e criptomoedas. A empresa oferece serviços de mineração na nuvem para bitcoin. Os usuários também podem comprar equipamentos com alto poder de hash e acessar uma carteira de criptomoedas, plataforma de exchange e portfólio de investimentos

A plataforma também oferece um aplicativo móvel conveniente, uma calculadora de contrato de mineração no site, pagamentos diários e um histórico detalhado de transações, tornando-a uma excelente opção para quem procura uma plataforma de investimento confiável e fácil de usar.

Confira os melhores serviços de mineração em nuvem para saber mais. Certifique-se de fazer sua própria pesquisa e pesquise extensivamente qualquer provedor escolhido.

Etapa 2 – Inscreva-se

Neste exemplo, escolhemos o ECOS como nosso provedor de mineração em nuvem. 

Vá para o provedor escolhido e inscreva-se para criar uma nova conta. Você pode se inscrever no ECOS aqui

cloud mining de maneira acessível

Durante o processo de registro, você precisará:

  • Forneça um endereço de e-mail
  • Verifique seu e-mail
  • verifique seu número de telefone

Etapa 3 – Compre taxa de hash (contratos de mineração)

Para iniciar a mineração de criptomoedas na nuvem com o ECOS, vá para a opção “Comprar Hashrate” no menu à esquerda. Nesta página, você pode configurar o contrato de mineração desejado. 

A mineração de criptomoedas implica que você especifique o resultado desejado em vez de comprar dispositivos de computador. No caso da mineração de bitcoin, a eficiência do processo é medida em taxa de hash. De um modo geral, quanto maior a taxa de hash, melhor. 

A taxa de hash refere-se à quantidade de poder computacional utilizado por segundo durante o processo de mineração. 

Em termos mais simples, ele mede a velocidade na qual a mineração ocorre e é expressa em unidades hash/segundo, indicando o número de cálculos que podem ser executados por segundo. Máquinas de mineração com taxas de hash mais altas são mais eficientes e podem processar uma quantidade significativa de dados em um curto período.

Nesta página, você pode escolher o seguinte:

  • Preço do contrato. O preço mínimo é de US$ 150, o que significa que você pode começar a minerar bitcoin na nuvem por apenas US$ 150. 
  • Duração do contrato em meses. Um contrato de mineração em nuvem pode durar entre 30 a 50 meses. 
  • Opcional: você pode definir sua previsão de preço do BTC para ver suas possíveis recompensas futuras. No entanto, isso não é garantido. 
mineração em nuvem

Após definir todos os detalhes, clique em “ Comprar contrato ” para concluir a transação. A ECOS aceita pagamentos com cartão ou pagamentos com criptomoedas (BTC, LTC, XRP e ETH).

Após o pagamento, o contrato de mineração é automaticamente adicionado à sua conta pessoal e será ativado em 24 horas. Você pode esperar receber os primeiros créditos em seu saldo em até 48 horas após o pagamento.

É lucrativo?

Sim, a mineração na nuvem pode ser um negócio lucrativo. Com a taxa de mineração aumentando constantemente, é possível ver um retorno significativo do investimento com tempo e esforço. Além disso, alguns projetos permitem a mineração de criptomoedas com mínimo ou nenhum investimento necessário.

Também se resume à criptomoeda escolhida e sua evolução de preço. Como tal, é importante pesquisar criptos antes de escolher qual minerar. A mineração de Bitcoin é a mais competitiva, mas outros projetos podem oferecer um ROI melhor. Observe que não há garantia de lucro, e os preços voláteis das criptomoedas e o aumento dos custos de eletricidade podem afetar os retornos potenciais.

A mineração na nuvem é segura?

A mineração na nuvem traz algum nível de risco, pois você não possui o equipamento de mineração e, portanto, não tem controle sobre como ele é usado.

A lucratividade dos contratos de mineração também pode flutuar amplamente e é difícil prever os retornos exatos. Mesmo que um minerador encontre um fornecedor confiável e assine um contrato, não há garantia de que obterá lucro. Além disso, custos adicionais podem ser incorridos durante a vigência do contrato, o que pode afetar significativamente os ganhos.

Embora a mineração na nuvem ofereça várias vantagens e benefícios potenciais, é importante ser cauteloso e fazer uma pesquisa adequada antes de investir na tecnologia de qualquer empresa, especialmente com a prevalência de golpes e atividades fraudulentas no setor. 

Comece sua jornada de mineração de criptomoedas hoje

É importante pesquisar e entender minuciosamente a criptomoeda específica e a operação de mineração antes de fazer qualquer investimento, pois há riscos envolvidos. Quer alguém opte por minerar por conta própria ou por meio de um serviço de mineração na nuvem, os principais fatores para o sucesso incluem poder computacional, eficiência energética e acompanhamento dos desenvolvimentos no ecossistema de criptomoedas dinâmico.

Tanto para novatos quanto para investidores estabelecidos, a mineração em nuvem pode ser uma maneira lucrativa e agradável de contribuir com o ecossistema blockchain.

Perguntas frequentes

Quais são os sites de mineração em nuvem mais confiáveis?

A mineração na nuvem é arriscada?

Quanto eu preciso para começar a mineração na nuvem?

Melhores plataformas de criptomoedas | Junho de 2024

Trusted

Isenção de responsabilidade

Todas as informações contidas em nosso site são publicadas de boa fé e com o objetivo único de informar. Qualquer atitude tomada pelo usuário a partir das informações veiculadas no site é de sua inteira responsabilidade.
Na seção Aprender, nossa prioridade é fornecer informações de alta qualidade. Nós tomamos o tempo necessário para identificar, pesquisar e produzir conteúdo que seja útil para nossos leitores.
Para manter esse padrão e continuar a criar um conteúdo de excelência, nossos parceiros podem nos recompensar com uma comissão por menções em nossos artigos. No entanto, essas comissões não afetam o processo de criação de conteúdo imparcial, honesto e útil.

Airi-Chaves-2.png
Airí Chaves
Com formação em marketing pela Universidade Estácio de Sá e um mestrado em liderança estratégica pela Unini, escreve para diversos meios do mercado de criptomoedas desde 2017. Como parte da equipe do BeInCrypto, contribuiu com quase 500 artigos, oferecendo análises profundas sobre criptomoedas, exchanges e ferramentas do setor. Sua missão é educar e informar, simplificando temas complexos para que sejam acessíveis a todos. Com um histórico de escrita para renomadas exchanges brasileiras,...
READ FULL BIO