Ver mais

40% dos portadores de cripto ganham mais de US$ 100.000, diz FED

2 mins
Atualizado por Levy Prata

EM RESUMO

  • O Federal Reserve incluiu criptomoedas em seu relatório de Bem-Estar Econômico.
  • 46% dos detentores de criptomoedas ganham mais de US$ 100.000.
  • Apenas 12% dos adultos possuíam ou usavam criptomoedas no ano passado.
  • promo

Um relatório do Conselho do Federal Reserve (FED) dos Estados Unidos revelou que a maioria dos investidores de criptomoedas dos Estados Unidos mantém cripto para fins de investimento e a maior parte dos que detém são assalariados de alta renda.

O Conselho do FED dos Estados Unidos publicou o relatório do bem-estar econômico das famílias dos EUA em 2021, e tem muito a dizer sobre o uso de criptomoedas no país. O FED queria entender melhor como os produtos emergentes estavam afetando os consumidores, e é por isso que a criptomoeda foi incluída pela primeira vez na pesquisa.

O relatório observa que a criptomoeda foi predominantemente usada para investimentos, e não para transações ou compras. Apenas 3% dos adultos a usaram para compras e transferências de dinheiro.

Mas talvez a percepção mais interessante do relatório seja o fato de que a grande maioria daqueles que possuíam criptomoedas para fins de investimento eram proprietários de alta renda. 46% daqueles que possuíam criptomoedas como investimento ganharam mais de US$ 100.000, enquanto 29% ganham menos de US$ 50.000.

  • Não entendeu algum termo do universo Web3? Confira no nosso Glossário!
  • Quer se manter atualizado em tudo o que é relevante no mundo cripto? O BeInCrypto tem uma comunidade no Telegram em que você pode ler em primeira mão as notícias relevantes e conversar com outros entusiastas em criptomoedas. Confira!
  • Você também pode se juntar a nossas comunidades no Twitter (X)Instagram e Facebook.

Os números sugerem que há muito mais espaço para adoção. Apenas 12% dos adultos possuíam ou usavam criptomoedas no ano passado. Se a criptomoeda encontrar mais fundamento, poderá levar a muito mais adoção, dado o pequeno número que é atualmente.

Quanto a declarações mais gerais sobre como os consumidores estão se saindo, o bem-estar financeiro geral é o mais alto desde que a pesquisa foi realizada pela primeira vez em 2013. Apesar das manchetes de inflação e uma possível recessão no horizonte, 48% dos adultos avaliaram suas economias como boas ou excelentes.

Cripto crescendo em estatura em meio à turbulência do mercado

O Federal Reserve vem prestando mais atenção ao mercado de ativos digitais, juntamente com outras agências dos EUA. A crescente popularidade forçou as agências a enfrentar essas novas tecnologias e o impacto que elas podem ter nos mercados mais amplos. Por sua vez, o FED está considerando entrar no espaço cripto com uma moeda digital do banco central (CBDC).

Alguns economistas acreditam que as ações do Federal Reserve elevarão os preços das criptomoedas e do ouro. Recentemente, ele aumentou as taxas de juros em 0,5%, o maior aumento desde 2000.

O mercado de criptomoedas despencou ao lado de outros mercados e ainda está sujeito aos mesmos fatores que influenciam as finanças tradicionais. Mas os legisladores estão preocupados com a proteção do investidor e com a popularização, daí o aumento do interesse regulatório. Com mais adoção por vir e mais oscilações de mercado, esse interesse deve se transformar em lei em breve.

Melhores plataformas de criptomoedas | Junho de 2024
Melhores plataformas de criptomoedas | Junho de 2024
Melhores plataformas de criptomoedas | Junho de 2024

Trusted

Isenção de responsabilidade

Todas as informações contidas em nosso site são publicadas de boa fé e apenas para fins de informação geral. Qualquer ação que o leitor tome com base nas informações contidas em nosso site é por sua própria conta e risco.

TCPMHRYSU-UEHL0FMAP-1d0d90d8c847-512.png
Rahul Nambiampurath é um trader da Índia que foi atraído pelo Bitcoin e pela blockchain em 2014. Desde então, ele é um membro ativo da comunidade. Ele tem mestrado em finanças.
READ FULL BIO
Patrocinados
Patrocinados