Ver mais

O yield farming deve evoluir para acelerar adoção pelo mainstream

5 mins
Atualizado por Júlia V. Kurtz

Precisamos reduzir os riscos do yield farming para atrair mais indivíduos e instituições para as finanças descentralizadas (DeFi), diz Danny Chong, co-fundador da Tranchess.

O yield farming em DeFi tem sido um esforço de risco com altas recompensas. No entanto, os riscos também podem amortecer a confiança dos investidores e impedir a entrada de novas pessoas no espaço.

  • Não entendeu algum termo do universo Web3? Confira no nosso Glossário!
  • Quer se manter atualizado em tudo o que é relevante no mundo cripto? O BeInCrypto tem uma comunidade no Telegram em que você pode ler em primeira mão as notícias relevantes e conversar com outros entusiastas em criptomoedasConfira!
  • Você também pode se juntar a nossas comunidades no Twitter (X)Instagram e Facebook.

Os jogadores do DeFi devem considerar colocar em prática medidas eficazes para lidar com isso na próxima onda de crescimento.

Crescimento do DeFi

Era 2020 quando o verão DeFi decolou oficialmente graças a empresas como CompoundMakerDAO e Uniswap ajudando a catapultar o mercado. Desta forma, o DeFi tornou-se um segmento cripto significativo, atraindo a atenção do mercado financeiro.

Enquanto mais engenheiros atualizam e fortalecem os produtos e seus protocolos, testemunhamos uma maior participação das instituições tradicionais.

Exemplos recentes incluem o maior gestor de ativos do mundo, a BlackRock, adicionando serviços cripto, a empresa de contabilidade KPMG Canada adicionando cripto ao seu balanço patrimonial, e o Plano de Pensão dos Professores de Ontário investindo na empresa de investimento em criptomoedas FTX.

A Tesla, que não é estranha ao Bitcoin, anunciou que detinha quase US$ 2 bilhões em BTC no final de 2021, reafirmando uma crença contínua em seu potencial. Pelo o que vimos, é provável que as instituições financeiras continuem investindo em ativos digitais ao longo de 2022. Será que que esses investidores estão prontos para adotar o DeFi?

Várias soluções surgiram como respostas iniciais ao alto risco do yield farming. Produtos como o Binance Custody, uma plataforma de Finanças Centralizadas (CeFi) que visa atender aos requisitos regulatórios e pode servir como uma passagem para tipos institucionais que entram em um ambiente DeFi de alto risco.

Instituições prontas para mergulhar os dedos no DeFi podem recorrer ao Arc, da Aave, um protocolo DeFi de permissão que está em conformidade com as regulamentações AML e verificações de KYC e KYB. No entanto, esta é apenas a ponta do iceberg – muito mais ainda precisa ser feito.

Para que a indústria seja totalmente abraçada pelo mainstream, precisamos tomar medidas para garantir que os pontos de entrada corretos estejam disponíveis para o yield farming.

Abordando exposições de alto risco no yield farming

O yield farming é uma estratégia de investimento atraente porque dá aos usuários um alto retorno sobre o investimento sem exigências mínimas ou altas de capital. Por meio de contratos inteligentes, o capital é colocado em um pool de liquidez e, em troca, os provedores de liquidez recebem uma recompensa nativa.

No entanto, o yield farming está longe de ser adaptado aos não iniciados. Não é comum que as plataformas atendam a diferentes perfis de investimento, indiquem níveis de risco ou forneçam diretrizes sobre onde os investidores devem alocar seu capital.

Embora o yield farming possa ser considerado semelhante a investir em várias empresas diferentes, ele traz a possibilidade de ganhar mais em um ritmo bem mais ágil do que nas empresas tradicionais. Então, como nós, empresas, podemos ajudar a reduzir o risco que, por sua vez, atrairá mais indivíduos e instituições para o DeFi?

Protocolos devem introduzir novos modelos de receita para mitigar riscos

O valor total bloqueado (TVL) nos protocolos DeFi é de pouco menos de US$ 200 bilhões em comparação com a capitalização total de mercado dos EUA de US$ 53 trilhões, de acordo com a DeFi Llama, indicando que o DeFi ainda está em sua infância. Seu potencial de crescer em seu próprio quadro financeiro é significativo.

O novo valor do DeFi envolve essencialmente a impressão de “dinheiro futuro” através de emissões de tokens, o que significa a liberação de novos tokens. Quanto mais esses tokens são adquiridos pelo mercado, maior será o aumento do valor. Isso é semelhante a um modelo de capital próprio pelo qual as pessoas acreditam em uma empresa ou, neste caso, um protocolo com um valor gerado.

Muitos protocolos ainda dependem apenas de emissões de tokens nativos, mas há protocolos tentando tornar o DeFi menos arriscado. Isso é conseguido com a adoção de diferentes modelos de receita para retornos mais estáveis e consistentes.

Alguns desses protocolos incluem o Ankr e o Tranchess, que geram receita realizando um serviço de validador para a BNB Chain (antiga Binance Smart Chain), além de executar estratégias de yield farming. Ao introduzir fontes alternativas de retorno e modelos de receita, os investidores seriam menos propensos a saltar para outros protocolos devido a ter confiança de maior valor para os seus investimentos no protocolo a partir de seu foco no crescimento da receita. Isso também os protege melhor da volatilidade do DeFi e do impacto mais amplo do mercado financeiro.

Tanto o DeFi quanto o TradFi precisam convergir

Com mais instituições financeiras adotando criptomoedas de alguma forma, estamos começando a ver a aceitação gradual das criptomoedas no mainstream. No entanto, grande parte das Finanças Tradicionais (TradFi) ainda operam em um status quo em termos de suas ofertas aos clientes.

Alguns têm feito progressos para adotar soluções fintech que proporcionam uma experiência bancária mais perfeita para um maior número de clientes.

No entanto, ainda há muito a ser realizado. Além de dar aos clientes melhores experiências e exposição a ativos cripto, as instituições devem dar aos usuários exposição a oportunidades de alto rendimento através do DeFi. Os usuários podem depositar a stablecoin UST no Anchor Protocol por 19% de Rendimento Percentual Anual (APY), em oposição a uma conta poupança tradicional que dá taxas de juros inferiores a 1%.

A introdução dos produtos mais atraentes daria às instituições uma vantagem competitiva e impediria que a TradFi funcione como uma empresa de telefonia, incapazes de fornecer ofertas diferenciadas e competitivas.

Por outro lado, a indústria DeFi precisa se esforçar para criar um novo modelo de negócio misturado com retornos estáveis e sustentáveis.

Olhando para a frente

O DeFi chegou aqui para ficar. Enquanto novos investidores financeiros entram no mercado, aqueles que já mergulharam os dedos continuarão se aventurando mais profundamente em novos protocolos, cadeias, soluções de camada e upgrades tecnológicos.

Para que essa trajetória seja sustentável, os protocolos DeFi precisam reduzir os riscos de suas ofertas, fortalecer a tecnologia subjacente e maximizar a segurança por meio de auditorias e outras medidas (por exemplo, carteiras multi-sig para seus recursos), enquanto a TradFi adota um risco maior, mas gerenciável como parte de seus portfólios.

À medida em que TradFi e DeFi convergem, trarão uma mistura de expertise e experiência que impulsionará o progresso, ao mesmo tempo em que são informados por regulamentos em constante evolução. Tudo isso afirmará ao mainstream que o DeFi é uma opção viável e valiosa para obter retornos sustentáveis.

Sobre o autor

Danny Chong é o co-fundador da Tranchess, um rastreador de ativos descentralizado que aumenta o rendimento e fornece retornos de alto rendimento estáveis e variados para usuários de diferentes capacidades de risco. Com mais de 16 anos de experiência em bancos de investimento, Danny já ocupou papéis de liderança em trading, vendas e gestão em bancos franceses proeminentes, incluindo BNP Paribas e Société Générale para a região da APAC.

Melhores plataformas de criptomoedas | Junho de 2024

Trusted

Isenção de responsabilidade

Todas as informações contidas em nosso site são publicadas de boa fé e apenas para fins de informação geral. Qualquer ação que o leitor tome com base nas informações contidas em nosso site é por sua própria conta e risco.

34043778c8ce560665524108fc72b7e1.png
Autor Сonvidado
Opinião de especialistas da indústria de criptomoedas compartilhada com BeInCrypto.
READ FULL BIO
Patrocinados
Patrocinados