Ver mais

IOTA migra para método PoS com rede 2.0 – Entenda as mudanças

2 mins
Atualizado por Júlia V. Kurtz

O ecossistema blockchain da Internet das Coisas IOTA anunciou o lançamento de sua rede de testes “IOTA 2.0”, que melhorará a escalabilidade e a segurança de seu ecossistema com o uso de prova de participação (PoS).

O novo testnet público do projeto promete ser ecologicamente correto, reduzindo seu impacto ambiental e consumo de energia. Ao fazer isso, pretende atrair empresas focadas em “soluções verdes”.

IOTA lança nova rede 2.0 com PoS

A IOTA anunciou que a “IOTA 2” permitirá a migração do metodo de prova de Prova de Trabalho (PoW) para o mecanismo de Prova de Participação (PoS) descentralizada, o que resultará em maior escalabilidade e eficiência da rede.

A nova rede de teste eliminou a entidade central que anteriormente gerenciava o consenso e agora procurará combater a influência de “figuras centralizadas” na rede. A IOTA promete até mesmo explorar novos conceitos de eficiência e “descentralização genuína”.

“O novo mecanismo de consenso foi projetado para melhorar a segurança da rede, tornando-a mais resistente a ataques e falhas. Isso é crucial para ganhar confiança e expandir a adoção em setores como finanças, saúde e cidades inteligentes, onde a segurança é fundamental”, disse a IOTA em um comunicado.

A equipe do projeto esclarece que sua nova restnet é um banco de testes para desenvolvedores sem valor no mundo real. Também esclarece que a rede 2.0 pode estar sujeita a reinicializações ocasionais, mas com um “período de carência”.

Leia mais: O que é IOTA – Guia para iniciantes

Nas redes sociais, os desenvolvedores disseram que a nova rede de teste é um marco porque representa novas oportunidades para o ecossistema financeiro descentralizado. Outros disseram que ela tem o potencial de desafiar o Ethereum e atingir uma capitalização de mercado de US$ 1 bilhão.

Alguns desenvolvedores até comentaram que a IOTA chegaria muito perto de resolver o trilema da blockchain de escalabilidade, descentralização e segurança. Outros previram maior eficiência do novo testnet, já que “você não faz bloco após bloco após bloco”.

O preço da IOTA.
Desempenho do preço da IOTA. Fonte: CoinMarketCap

Após o anúncio, o token nativo da IOTA teve uma pequena recuperação, passando de US$ 0,21 para US$ 0,23, um aumento de cerca de 5%. No entanto, o token acumula uma queda semanal de 3,81% e uma perda mensal de 4,95%.

No momento em que este artigo foi escrito, o preço da IOTA estava de volta a marca de US$ 0,21.

Melhores plataformas de criptomoedas | Junho de 2024
Melhores plataformas de criptomoedas | Junho de 2024
Melhores plataformas de criptomoedas | Junho de 2024

Trusted

Isenção de responsabilidade

Todas as informações contidas em nosso site são publicadas de boa fé e apenas para fins de informação geral. Qualquer ação que o leitor tome com base nas informações contidas em nosso site é por sua própria conta e risco.

4d198a1c7664cbf9005dfd7c70702e03.png
Anderson Mendes
Membro ativo da comunidade de criptoativos e economia em geral, Anderson é formado pela Universidade Positivo, e escreve sobre as principais notícias do mercado. Antes de entrar para a equipe brasileira do BeInCrypto, Anderson liderou projetos relacionados à trading, produção de notícias e conteúdos educacionais relacionados ao mundo cripto no sul do Brasil.
READ FULL BIO
Patrocinados
Patrocinados