Copa do Mundo ganha álbum de figurinhas em NFT

EM RESUMO
  • Projeto brasileiro cria o primeiro álbum de figurinhas da Copa do Mundo para o metaverso.
  • As figurinhas são vendidas no Opensea.
  • Elas terão valores acessíveis a partir de US$ 2.
  • promo

    Análises técnicas e insights do mercado por traders em nosso canal do Telegram!Entre hoje no nosso Telegram!

O metaverso chegou para ficar, assim como os tokens não fungíveis (NFT) e todo universo cripto atrelado a esses espaços. Agora imagine um dos esportes mais populares do planeta e o metaverso juntos.

A CryptoPlayers acaba de lançar um álbum de figurinhas em NFT da Copa do Mundo, que podem ser integradas a outros projetos que o grupo está criando como por exemplo  jogos online.

  • Ficou com alguma dúvida? O Be[in]Crypto possui uma série de artigos para lhe ajudar a entender o universo cripto. Confira!
  • Se quiser ficar atualizado no que acontece de mais importante no espaço cripto, junte-se ao nosso grupo no Telegram!

A proposta do projeto é democratizar o acesso aos criptoativos, e trazer cada vez mais fãs de futebol para o mundo dos NFTs, já que os tokens invadiram o mundo da bola há algum tempo. Criado pelo brasileiro Diogo dos Reis, o projeto das figurinhas da Copa do Mundo 2022 usa blockchain e o maior evento esportivo do ano para transformar diversão em NFT.

“O projeto veio na minha cabeça quando pensei que neste ano tem Copa do Mundo e mesmo com esse boom de NFTs, cadê o nosso álbum no metaverso? Estamos vendo um grande crescimento dessa tecnologia, e poder ter um álbum da Copa é algo que nos anima muito”, explica Reis.

Como são criadas as figurinhas NFT para o metaverso?

As figurinhas do álbum são criadas em pixel art e os jogadores tem vários super poderes e especificadades.

Todos os CryptoPlayers tem uma história por trás de cada personagem/jogador. Um exemplo é o card Mark Win-Oz, que faz referência ao Mágico de Oz e ao zagueiro brasileiro Marquinhos.

Marquinhos, zagueiro do PSG e da seleção brasileira

“Lembrei do jogo de vídeo game ‘International Superstar Soccer’, onde os jogadores eram genéricos, mas mesmo assim marcaram época, como o Allejo. que era inspirado no Bebeto. Então segui por este caminho também, trazendo uma pitada de humor com o nome dos jogadores, como uma metáfora mesmo”, explica Ruiz.

Figurinhas terão valores acessíveis

Disponíveis na OpenSea, cada NFT pode ser comprado por US$ 2, preço mínimo da plataforma. O objetivo, nas palavras do criador do projeto, é democratizar o acesso a uma tecnologia que vai revolucionar nossas vidas, além disso, o fato de que um álbum de figurinhas no mundo real é democrático, no metaverso também precisa ser.

Todas as NFTs que forem adquiridas, não servirão apenas para completar o seu álbum. O projeto já prevê uma série de jogos nos próximos meses e, em todos eles, os CryptoPlayers são personagens principais.

A versão super trunfo, por exemplo, já está disponível no site e no próximo mês será lançada a versão na blockchain.

Além disso, o The CryptoPlayers vai lançar uma versão do Elifoot no metaverso. A versão já está em desenvolvimento e a previsão é que chegue ao mercado em junho de 2022 ou seja, daqui a três meses.

Partida realizada entre os jogadores no formato “super-trunfo”

Este ano a Copa do Mundo FIFA 2022 acontece no Catar entre os dias 21 de novembro e 18 de dezembro. Pela primeira vez, o evento esportivo acontece no Oriente Médio e no final do ano. Esta edição é a última com formato de 32 equipes.

O próximo Campeonato Mundial de Futebol FIFA será sediado nos Estados Unidos, Canadá e México com 48 times.

Isenção de responsabilidade

Todas as informações contidas em nosso site são publicadas de boa fé e apenas para fins de informação geral. Qualquer ação que o leitor tome com base nas informações contidas em nosso site é por sua própria conta e risco.
BEINNEWS ACADEMY LTD © STREET: SUITE 1701 – 02A, 17/F, 625 KING’S ROAD, NORTH POINT. HONG KONG.